OS TESOS DA ILHA DO MARAJÓ: ANTROPOMORFOGÊNESE A 1.500 ANOS ATRÁS?

Valter Gama de Avelar[1]

Jorge Otávio Gama Avelar[2]

José Maria de Avelar[3]


[1] UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAPÁ/UNIFAP – Coordenador do Grupo de Pesquisa GEOdiversidade do Amapá/GPGEO. Departamento de Filosofia e Ciências Humanas/DFCH – Coordenação do Curso de Geografia/COGEO – Pesquisador do Programa de Pós-Graduação Mestrado em Geografia da UNIFAP; E-MAIL: valtergamaavelar@gmail.com

[2] Engenheiro Civil pela Universidade Federal do Pará – E-MAIL: j.avelar@uol.com.br

[3] Agente Auxiliar de Engenharia – E-MAIL: josemariadeavelar@gmail.com

RESUMO:

A ilha de Marajó localiza-se na desembocadura dos sistemas: bacia do rio Amazonas, cuja foz deságua a norte-noroeste da referida ilha, misturando elementos estuarinos e deltaicos (denominado Golfão Marajoara), com largos canais, com grande descarga de sedimentos, gerando grandes ilhas fluviais ou fluviomarinhas. Outro sistema é a bacia do rio Tocantins, cuja foz deságua na baía de Guajará, a leste da ilha de Marajó, produzindo amplo estuário. O Marajó divide-se em duas unidades morfoestruturais: Planícies Fluviomarinhas, a leste, e, Tabuleiros do Baixo Rio Amazonas, a oeste. Denomina-se Antropoceno, o tempo das intervenções humanas sobre o meio natural. Em 2019, foi incluída na Carta Estratigráfica Internacional, no período Quaternário (2,7 Ma., até o presente), a Série Holoceno (11.650 anos atrás, até o presente). Os sítios característicos da cultura marajoara são, normalmente, “aterros artificiais”, conhecidos como “Tesos” ou “Mounds”, que têm alguns metros de altura e dezenas de metros de comprimento. Os sítios são bastante numerosos na parte leste da Ilha de Marajó, numa área de extensos campos naturais e inundáveis durante boa parte do ano. Seriam os tesos marajoaras naturais ou antrópicos? É Antropomorfogênese? As Ideias aqui constituem um contributo para uma “possível elucidação” interciência (Geologia, Arqueologia) sobre os Tesos Marajoaras.

Palavras-Chave: Ilha de Marajó, Geomorfologia, Antropoceno, Tesos marajoaras

 ABSTRACT:

The island of Marajo is locaste at the mouth of the systems: the Amazon River basin, whose mouth fulos to the north-northwest of the afore mentioned island, mixing estuarino and deltaic elements (known as Gulf Marajoara), with wide channels, with a large discharge of sediments, generating large fluvial or fluviomarine islands. Another system is the Tocantins River basin, whose mouth flows into Guajará Bay, east of Marajo Island, producing a wide estuary. Marajo is divided into two morphostructural units: Fluviomarine Plains, to the east, and Plateaus of the Lower Amazon River, to the west. Anthropocene is the time of human interventions on the natural environment. In 2019, the Holocene Series (11,650 years ago, to the present) was included in the International Stratigraphic Chart in the Quaternary period (2.7 Ma., to the present). The characteristic sites of the Marajoara culture are usually “artificial landfills”, known as “Tesos” or “Mounds”, which are a few meters high and dozens of meters long. The sites are quite numerous in the eastern part of Marajo Island, in an area of ​​extensive natural fields that are flooded during most of the year. Were the tense Marajoaras natural or anthropic? Is it Anthropomorphogenesis? The Ideas here constitute a contribution to a “possible elucidation” between science (Geology, Archeology) on the Tesos Marajoaras.

Keywords: Marajo Island, Geomorphology, Anthropocene, Tesos Marajoaras

Categorias Sem categoriaTags , , ,

Um comentário em “OS TESOS DA ILHA DO MARAJÓ: ANTROPOMORFOGÊNESE A 1.500 ANOS ATRÁS?

  1. Carlos Alberto da Silva Leão 12 de abril de 2022 — 17:20

    Boa Temática. O que se fala na Ilha é que os Tesos Foram Construidos pelos Indios.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close